dyneema

A Vulcan Cranes apresenta o cabo de elevação sintético fabricado com fibra Dyneema® DM20

Para aumento da produtividade em ambiente controlado e redução ainda maior de perdas decorrentes de contaminação

A Royal DSM, uma multinacional baseada em ciência que atua nas áreas de Nutrição, Saúde e Vida Sustentável, recentemente entregou a fibra Dyneema ® DM20 para ajudar nosso cliente, a Vulcan Cranes, a aprimorar o desempenho percebido e a eficácia operacional.

Guinchos tradicionais para uso interno com correntes ou cabo de aço geram partículas de aço ou poluentes de óleo. No entanto, um cabo de elevação fabricado com fibra Dyneema® DM20 é fácil e seguro de manusear graças ao seu toque macio, flexibilidade e leveza, possibilitando aumentar a produtividade e otimizar o manuseio de cargas.

Em 2016, a DSM Materiais de Proteção começou a trabalhar com a Vulcan Cranes em Wuxi, na China (www.vulcancranes.com) para desenvolver a próxima geração de pontes rolantes para indústrias limpas. “Após vários anos de pesquisa, esta é a primeira vez que constatamos as vantagens do cabo de fibra sintética como as cordas de elevação mais limpas que já usamos”, explica Li Dasong, gerente comercial regional da DSM para Ásia-Pacífico.

Guinchos tradicionais para uso interno com correntes ou cabo de aço geram partículas de aço ou poluentes de óleo e não podem ser utilizados diretamente em ambiente controlado. É necessário um revestimento de proteção ao redor e abaixo do guincho para uso em ambientes controlados. No entanto, o revestimento acarreta riscos de segurança, pois dificulta a inspeção dos guinchos em si.

Acrescenta Yong-Le Liu, (gerente técnico regional da DSM):  “Esse cabo fabricado com fibra Dyneema® DM20 não enferruja.   Ele é autolubrificante com um coeficiente de fricção (Coefficient of Friction, CoF) baixo de 0,05~0,07, enquanto o CoF do aço é 0,74 e, se estiver lubrificado com óleo, 0,16. Essa linha de elevação sintética evita custos relacionados a danos e perdas de produção decorrentes da contaminação causada por partículas de aço e poluentes de óleo.”

A ponte rolante com cabo de elevação sintético também é mais segura.  Um cabo de elevação fabricado com fibra Dyneema® DM20 é fácil e seguro de manusear graças ao seu toque macio, flexibilidade e leveza, pesando apenas 1/8 do peso da corrente de aço com a mesma resistência. Maleabilidade, flexibilidade e vibrações úmidas de superfície lisa,  comuns para guinchos de corrente. Esse cabo fabricado com Dyneema® requer menos custos com inspeção para garantir a continuidade da operação segura.

A nova ponte aumenta a produtividade e otimiza o manuseio da carga graças à combinação de vibração reduzida, flexibilidade e baixo alongamento do cabo de elevação, fabricado com Dyneema® DM20.   Possui um alongamento típico em ruptura de apenas 3%.  Em um fator de segurança de carga de 10, o alongamento com carga é de apenas 0,3%. Diferente de outros graus de fibra UHMWPE, Dyneema® DM20 é ultrarresistente à fluência e apresenta alongamento permanente zero em condições de trabalho projetadas. A ponte suspensa com cabos de elevação sintética continua funcionando de forma precisa ao longo de toda a vida útil estimada com o menor custo de propriedade.

Huang Weiwei (diretor executivo da Vulcan Cranes) resume: “Todas as vantagens que obtemos com a maior segurança da fibra Dyneema® DM20, sem contaminação por partículas e óleo, e manuseio preciso da carga, as pontes de ambiente limpo da Vulcan com cabo de elevação sintético foram instaladas com êxito nas indústrias de semicondutores, farmacêutica, química e aeroespacial. Realmente é uma excelente colaboração com a fibra mais resistentes do mundo, a fibra Dyneema®”.

 

Este site usa cookies para armazenar informações no seu computador

Saiba mais