Combatendo a COVID-19: alternativas inesperadas podem manter as cervejarias em funcionamento

Praticamente todos os setores foram afetados pela pandemia da COVID-19. Com as medidas de mitigação em vigor, os consumidores e as empresas estão funcionando de maneiras muito diferentes, e, sem um fim claro à vista, as economias globais se deparam com um futuro incerto. 

As cervejarias são particularmente vulneráveis devido ao fechamento de restaurantes, bares e hotéis, bem como ao cancelamento de grandes eventos públicos. Muitas fecharam por completo, enquanto outras estão operando com capacidade muito baixa para continuar atendendo o mercado de varejo.

Uma mudança necessária gera soluções criativas 

Se houver algum ponto positivo nessa situação, é que tempos desafiadores muitas vezes estimulam a criatividade e a inovação, e a indústria cervejeira não é exceção. Observe o aumento dos serviços de entrega de cerveja em casa, as opções de retirada de cervejas artesanais na modalidade “drive-thru” e algumas cervejarias que passaram a produzir águas minerais e funcionais como uma forma de reter negócios. Essa engenhosidade costuma ser acompanhada de uma vontade grande de fazer algo para ajudar em meio a essa crise. Nesse sentido, as cervejarias de pequeno e médio porte podem estar interessadas em saber mais sobre como fabricar o álcool em gel a partir do álcool produzido durante o processo de fabricação de cerveja como outra solução alternativa. Como parceiro de longa data da indústria cervejeira, nós da DSM podemos compartilhar o que sabemos sobre esse processo e também destacar alguns fatores importantes a considerar.

Uma maneira de apoiar a batalha contra o coronavírus

A Organização Mundial da Saúde desenvolveu uma receita e diretrizes detalhadas para a produção de álcool em gel, e este é um ótimo ponto de partida. O ingrediente principal é, claro, o álcool, e para as cervejarias que possuem cerveja inutilizável em estoque, existem alguns métodos que podem ser usados para separar o álcool da cerveja no processo de fabricação e, em seguida, usá-lo como álcool em gel, dependendo do estágio de produção. Os produtos finais, barris ou tanques, podem ser alimentados a um processo de destilação tradicional ou a vácuo para se concentrar e alcançar essa separação, enquanto a cerveja ainda em maturação pode ser tratada com enzimas para aumentar o teor de álcool e, em seguida, alimentada ao respectivo processo de destilação. 

A fabricação de cervejas especificamente com o propósito de produzir álcool em gel permite que as cervejarias selecionem suas matérias-primas (talvez as de menor valor ou que não possam ser armazenadas a longo prazo) e produzam um mosto de alta gravidade e baixo custo, sem lúpulos e aromatizantes. Adicionar enzimas aqui ajuda a alcançar o objetivo de produzir uma grande quantidade de açúcares fermentáveis.

Considere esses elementos e conte com a nossa ajuda

Ajustar o processo de fabricação de cerveja para produzir (ou apoiar a produção de) álcool em gel variará naturalmente de cervejaria para cervejaria, e a DSM pode compartilhar seu conhecimento técnico aprofundado para viabilizar esta experimentação. Mas há alguns fatores importantes a serem lembrados por todas as cervejarias. Reserve um tempo para considerar se você e a localização de seus parceiros de fabricação são adequados para a produção de etanol. Considere também verificar a legislação sobre impostos especiais de consumo junto às autoridades locais.

Nossa equipe de especialistas pode ajudar você a atender a esses e outros requisitos para obter a melhor solução possível para suas ambições de produção de cerveja.

Garantindo um futuro brilhante para todos

Na DSM , compartilhamos de seu desejo de encontrar maneiras de ajudar em meio a essa crise de saúde global e manter a vitalidade dos negócios.  Estamos orgulhosos de que, por exemplo, as equipes da DSM já estejam distribuindo vitaminas e nutrientes que aumentam a imunidade para socorristas e profissionais de saúde, para apoiar o bem-estar daqueles que estão na linha de frente dessa crise. A DSM também produziu 130.000 litros de desinfetantes a pedido do governo holandês para evitar uma escassez de suprimentos para os profissionais de saúde. 

Não há dúvida de que estes são tempos desafiadores, mas a história mostra que a adversidade pode estimular a criatividade, especialmente quando trabalhamos juntos. Se você tiver interesse em obter mais informações, entre em contato com nossa equipe de especialistas ou envie um e-mail diretamente para mim

Publicado

17 April 2020