Pesquisa de VITALITY exclusiva da DSM: Como os profissionais de saúde percebem os medicamentos de valor agregado com APIs de vitaminas?

Por: Equipe Editorial da DSM Pharma Solutions

Comportamentos, atitudes e percepções dos profissionais de saúde (healthcare professionals, - HCP) são um aspecto crítico da cadeia de valor do atendimento ao paciente. Por meio da pesquisa VITALITY, a DSM recentemente buscou descobrir o papel dos medicamentos de valor agregado a partir de uma perspectiva de profissional de saúde em várias especialidades, ou seja, clínicos gerais (general practitioners, - GPs), cardiologistas e endocrinologistas/diabetologistas. 

A pesquisa VITALITY, a primeira desse tipo, explorou as atitudes atuais dos profissionais de saúde, a conscientização e os hábitos de prescrição de combinações de medicamentos/vitaminas, além de sua disposição de prescrever vários candidatos a medicamentos de valor agregado contendo vitaminas. No total, mais de 1.000 profissionais de saúde foram entrevistados nos EUA, na Alemanha, na França, no Egito e na China.   

No geral, 80% dos médicos relatam receitar vitaminas atualmente junto com outros medicamentos, com 89% indicando interesse na perspectiva de terapias combinadas de dose fixa com medicamento mais API de vitamina. A maioria significativa dos médicos identificou medicamentos antidiabéticos + cobalamina (vitamina B12) como a combinação mais clinicamente significativa, com cardiologistas também observando tocoferol (vitamina E) + estatinas como uma combinação crítica, seguido por inibidores de IBP + cobalamina + ácido ascórbico (vitamina C). 

Enquanto a base de evidências que apoia o uso de combinações de API de medicamento/vitamina continua a crescer, as barreiras permanecem. Em todas as especialidades pesquisadas, dados adicionais de eficácia clínica foram identificados como a fonte primária de informações solicitadas do produto para produtos futuros. 

No geral, 72% dos clínicos gerais indicaram que receitariam terapias combinadas de valor agregado devido ao impacto positivo percebido na qualidade de vida dos pacientes. A facilidade de administração (ou seja, a capacidade de combinar medicamentos e vitaminas em um único comprimido oral) representou uma área de consideração importante entre as especialidades dos HCPs ao avaliar possíveis terapias futuras. Na verdade, 82% dos HCPs observaram mais disposição em receitar produtos de valor agregado combinados, uma vez disponíveis. Isso identifica as necessidades não atendidas do mercado atual e reforça as oportunidades comerciais e voltadas para o paciente avançando.   

Publicado

2 Setembro 2020

Tags

  • Business
  • Article

Compartilhar

7 min. de leitura

Inscreva-se para receber nosso boletim informativo

Mantenha-se atualizado sobre as últimas ciências, eventos e tendências de mercado

Faça o download do nosso catálogo de Soluções Farmacêuticas

Links rápidos

Loja virtual

Solicite amostras, faça pedidos e visualize a documentação do produto

Catálogo

Baixe a cópia mais recente do nosso catálogo de soluções

Entre em contato conosco

Somos mais do que uma parceria. Somos uma vantagem competitiva.

Relatórios técnicos

O que há de mais recente em pesquisa sobre vitaminas e lipídios e desenvolvimentos da indústria

Webinars

Estudos acadêmicos e a ciência mais recente em módulos educacionais

Vídeos

Vídeos explorando o crescente papel dos APIs de vitaminas 

Este site usa cookies. Usamos cookies para personalizar conteúdos e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Também compartilhamos informações sobre o seu uso do nosso site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise, que podem combiná-las com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram a partir do uso dos seus serviços. Você concorda com nossos cookies se continuar a usar nosso site.

Leia mais