Maxadjunct™ ß L

Faça cervejas de alta qualidade com diversos adjuntos em até 100%

Os consumidores prestam cada vez mais atenção na composição da sua cerveja

1Uma nova pesquisa da DSM, que entrevistou 20 mil consumidores em 20 países para entender as necessidades atuais e emergentes dos consumidores no universo cervejeiro, descobriu que as pessoas estão cada vez mais interessadas na composição da sua cerveja. Por exemplo, 54% dos entrevistados relataram ser fortemente influenciados por informações sobre ingredientes, enquanto 39% das pessoas estão procurando cerveja produzida com matérias-primas de origem local.  

A cervejaria de hoje está sob pressão crescente para maximizar a capacidade de produção, acelerar o processo, reduzir perdas de resíduos e cervejas, melhorar a flexibilidade para fabricar com matérias-primas locais e fazer tudo isso enquanto oferece a mesma cerveja de alta qualidade.

O MaxadjunctTM ß L é a mais recente inovação da DSM para a fabricação de cervejas com adjuntos, permitindo que as cervejarias tenham flexibilidade para usar uma ampla variedade de matérias-primas locais e pular o cozimento de cereais, o que permite a liquefação e sacarificação de amido em adjuntos de até 80 °C. Isso pode aumentar a capacidade da cervejaria em até 25%* e reduzir o tempo de ciclo de mostura em até 20%, tornando-a uma solução altamente sustentável.

*Depende da configuração da cervejaria

1DSM, relatório de percepções dos consumidores de cervejarias, 3º trimestre de 2019.

Pular o cozimento de cereais e aumentar a capacidade da cervejaria*

O MaxadjunctTM ß L permite a liquefação e sacarificação do amido em adjuntos de até 80 °C

*Depende da configuração da cervejaria

Atenuação previsível e direcionada
 

Mesmo com cereais diferentes, o perfil de açúcar desejado pode ser alcançado.

Faça cervejas de alta qualidade com diversos adjuntos até 100%

Flexibilidade para atingir metas de RDF/ADF com matérias-primas locais disponíveis para controlar custos.

Cumprir metas de sustentabilidade
 

Redução de 16-20% da pegada de CO2 na produção de cerveja.

Economia de energia (sem necessidade de ferver o mosto na panela de cereais e encurtar o tempo de ciclo de mostura em 20%)

  • Facilita a gelatinização e a liquefação eficazes de adjuntos com alta gelatinização na mostura.
  • Facilita a sacarificação, libera mais maltose
  • Para gelatinização e liquefação eficazes de adjuntos com altas temperaturas de gelatinização no cozinhador de cereais
  • Faça a imitação do poder diastático do malte para garantir a gelatinização e liquefação eficazes no processamento de cevada não malteada.
  • Liberar o FAN (Free Amino Nitrogen) suficiente para facilitar a fermentação de cerveja de cevada não malteada 
  • Oferece sacarificação eficaz, libera principalmente glicose. 
  • Também é usado na fermentação para alcançar níveis de atenuação muito altos
  • Apoiar a sacarificação durante a brassagem, liberando principalmente maltose. 
  • Também usado na fermentação
  • Reduzir a viscosidade para filtração eficiente de mosto e cerveja em diferentes receitas de cervejas.
  • Liberar FAN (Free Amino Nitrogen) suficiente com altas porcentagens de adjuntos para facilitar a fermentação

Reduzir custos e alcançar metas de sustentabilidade para a produção de cervejas com adjuntos 

As enzimas cervejeiras para adjuntos da DSM melhoram a flexibilidade das cervejarias para usar matérias-primas locais, reduzir custos, otimizar processos tecnológicos e trabalhar de forma mais sustentável.