Mais peixes no mar

Algas para peixes que se alimentam de outros peixes

Óleo de ômega-3 à base de algas muda o jogo

Você sabia que 20% de todos os peixes capturados no mundo são usados para alimentar outros peixes?

Enquanto isso, cerca de três bilhões de pessoas no mundo dependem dos peixes dos oceanos para obter proteínas e nutrição. E outros milhões se beneficiam dos ricos ácidos graxos ômega-3, encontrados nos suplementos de óleo de peixe, que são benéficos para a saúde do cérebro, olhos e coração humanos.

Os peixes são essenciais para a nossa sociedade. Mas eles estão diminuindo, principalmente devido ao grande volume de peixes capturados para alimentar o salmão de viveiro. Na verdade, 75% do óleo de peixe do mundo, até agora, foi usado para esse fim. É por isso que a DSM se uniu à Evonik para ajudar a resolver esses dois problemas, com o auxílio de um organismo antigo e frequentemente denominado como a base de toda a vida vegetal: a alga.

Veramaris®: um produto feito de algas

Os nutricionistas concordam que os ácidos graxos ômega-3 são essenciais para a saúde humana e animal. Mas nem o ser humano nem o salmão são capazes de sintetizar o ômega-3 em quantidades suficientes. Daí a necessidade desses nutrientes essenciais serem inseridos na dieta para manter um crescimento saudável.

O Veramaris® é um óleo à base de algas, lançado em 2018, considerado a primeira alternativa viável ao óleo de peixe para essa valiosa fonte de ômega-3.

Cultivado em lagos gigantes, o Veramaris® possui uma concentração alta, em torno de 50%, dos principais ácidos graxos necessários para alimentar o salmão de viveiro e manter sua saúde. Para se ter uma ideia do benefício dessa descoberta, em números: apenas uma tonelada de óleo de algas Veramaris® é equivalente a 60 toneladas de peixes capturados na natureza. 

Lugar de peixe é no mar

Na DSM, alinhamos nossa estratégia com base nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU acordados em 2015, especialmente em cinco deles. No caso do óleo de algas Veramaris®, isso significa:

Em termos mais simples, o Veramaris® garante que os peixes selvagens, que eram usados para obter o óleo usado de alimento para outros peixes, agora podem permanecer no mar para serem consumidos por aqueles que realmente precisam dessa valiosa fonte de proteína.

Ciência e Inovação

A excelência científica por trás do Veramaris® é baseada em um processo único de fermentação que requer apenas duas matérias-primas: algas e açúcar. Durante o processo de fermentação, as células das algas se multiplicam e convertem a dextrose do açúcar em ácidos graxos ômega-3, que se acumulam em sacos de óleo. A partir daí, eles são concentrados, e o líquido removido é usado como fonte de proteína para alimentação do gado ou conversão em biogás para a produção de eletricidade. Portanto, zero desperdício.

O futuro

Apoiado por um investimento de US$ 200 milhões de suas controladoras, a DSM e a Evonik, o Veramaris® agora tem capacidade para atender a 15% da demanda mundial de ácidos graxos ômega-3 para a aquicultura de salmão. Acreditamos que o Veramaris®, mais especificamente as espécies únicas de algas do Atlântico Norte em que o produto se baseia, poderá substituir completamente o óleo de peixe para determinadas espécies e, talvez, um dia, para todas as espécies.

Os oceanos do mundo regulam nosso clima, fornecem metade do oxigênio que respiramos e contêm a maior fonte de proteína da humanidade. Ao buscarmos uma perspectiva fora da DSM, e ao firmarmos parcerias com pessoas e empresas com o mesmo pensamento, pretendemos usar o potencial da nossa ciência para garantir que a evolução continue assim.

Leia mais

Este site usa cookies para armazenar informações no seu computador.

Saiba mais